O Costume no Direito Romano

By: Anavitarte, E. J.*

O costume, como fonte do direito romano, é o conjunto de usos, tradições, rituais e outras manifestações sociais que, por sua uniformidade e constância ao longo do tempo, foram adquirindo efeitos jurídicos.

Esta é a mais antiga de todas as fontes do direito romano, e seu principal objeto de regulamentação fora o direito privado, especialmente a forma na que os romanos estruturavam a sua vida como sociedade civil, tais como: o pátrio poder, o casamento e, os testamentos.

Embora sempre tenha sido uma fonte de direito, foi perdendo influência à medida que a lei tornou-se escrita, por isso está associada sobretudo aos direitos patrícios e à fundação de Roma. Tendo seu apogeu entre o período arcaico, e parte do pré-clássico; antes do direito secular.

It is a long established fact that a reader will be distracted by the readable content of a page when looking at its layout. The point of using Lorem Ipsum is that it has a more-or-less normal distribution of letters, as opposed to using 'Content here, content here', making it look like readable English.

You must log in to access this content
Iniciar con Google
Iniciar con Facebook
x